Home Office: Como se adaptar?

Atualizado: Mar 25


O sistema home office vem crescendo a cada ano no Brasil entre empreendedores e empresas. Logo pensamos nas vantagens, mas esquecemos do período de transição.


Após 36 anos, decidi encerrar minha carreira corporativa e resolvi empreender. Sempre fui uma pessoa muito organizada e metódica no meu dia a dia. Minha adaptação não foi tão difícil, mas encontrei alguns contratempos durante o primeiro ano.


Pensando nisso, resolvi compartilhar um passo a passo do planejamento à adaptação para ajudar você nessa transição. Vamos lá?!





1 - PLANEJAMENTO


Um bom planejamento garante o sucesso do seu trabalho! Para que a sua adaptação transcorra de forma tranquila, você deve iniciar por aqui.


Ambiente

  • Local: escolha um local adequado e fixo para você trabalhar. Dê preferência a cômodos longe do som de TV e conversas de outros moradores.

  • Mobiliários e acessórios: mesa, cadeira, luminária e arquivo são itens indispensáveis. Ao fazer suas escolhas, pense na funcionalidade e no seu conforto.

  • Equipamentos: computador, smartphone, impressora, etc. Tenha o necessário para o desenvolvimento de suas atividades.

  • Internet: contrate um plano de qualidade. Esta é uma das ferramentas mais importantes para a execução do seu trabalho.

  • Materiais de escritório: tenha um pequeno estoque para que sua atividade não seja interrompida.

Carga horária

  • Escreva suas tarefas diárias, semanais e mensais e determine o tempo de execução de cada uma delas.

  • Organize suas tarefas e seus compromissos em sua agenda. Faça planejamento de no mínimo 3 dias.

Com o tempo de execução em mãos determine:

  1. Quantas horas você irá trabalhar por dia.

  2. Início e fim de expediente.

  3. Horários de intervalo.


Não esqueça de acrescentar tarefas e compromissos pessoais. Não é porque trabalhamos home office que não teremos outras atividades. Lembre-se que agora você terá mais tempo disponível para fazer o que você não podia fazer antes.


Este planejamento é inicial. Haverá dias em que você passará mais tempo trabalhando e em outros, não. Faça alterações e encontre o seu ponto de equilíbrio entre execução x resultado.


IMPORTANTE: Se você está em regime de teletrabalho, faça o seu planejamento de acordo com o seu contrato.

Interrupções

Trabalhar em casa, muitas vezes não significa que você estará só...

  • Tenha regras bem definidas, informe aos moradores o horário do seu expediente.

  • E, quando e em quais situações você poderá ser interrompido(a).

Imprevistos

Trabalhar em uma estrutura corporativa é bem diferente de uma residencial. Se “cair” a internet, acabar a energia elétrica, logo pensamos “Não posso fazer nada...” Justificar a falta com atestado, acontece...


Mas, e quando isso acontecer com você? E, bem no dia da entrega de um trabalho? Antecipe-se!


Falta de Energia Elétrica/Internet:

  • Busque um local de emergência: casa de um familiar, um amigo, coworking (se urgente). Evite cafés com Wifi, pois poderá ter problemas com a segurança de dados.

  • Mantenha celular e notebook (se você não usa PC) carregados.

  • Invista em um carregador portátil.

Quebra de Equipamentos

  • Mantenha uma reserva financeira para aquisição de equipamentos (caso você seja o responsável pelos seus equipamentos).

  • Não sendo possível, compre equipamentos usados até que você possa adquirir um melhor.

Doenças:

  • Comunique ao seu empregador ou ao seu cliente. Não deixe as pessoas sem uma posição e aguardando uma entrega que não acontecerá no prazo estipulado.


2 - ORGANIZAÇÃO


Com o seu planejamento finalizado, agora é a hora de começar. Garanta a execução do seu trabalho mantendo a organização no seu dia a dia.


  • Durante a execução de suas atividades e após o seu dia de expediente deixe sua mesa organizada. Uma mesa organizada garante a sua produtividade.

  • Tenha uma caixa de entrada e saída, não perca os seus papéis!

  • Separe o seu arquivo pessoal, do profissional. Você poderá utilizar o mesmo local de armazenamento, mas com identificações diferentes. Use etiquetas, pastas com cores diferentes, prateleiras/gavetas distintas.

  • Organize seu arquivo físico e virtual semanalmente ou de acordo com a sua necessidade.

  • Não esqueça do back-up! Ele pode salvar você!


3 - DISCIPLINA


Planejamento e organização sem disciplina não levarão você ao resultado desejado. Acredite, você não terá mais que se deitar cedo para acordar cedo e sair correndo para o trabalho, mas...


No início, você até manterá sua rotina habitual, levamos um tempo para nos adaptar à novos hábitos. Mesmo com essa notícia, não se engane... com o passar do tempo, você perceberá que tem mais liberdade em se tratando de horário.


Para que você não saia da linha seguem algumas sugestões:


Iniciando o seu dia:

  • Use roupas confortáveis, mas não tipo “fim de semana”. A forma como você se veste, envia para o seu cérebro os comandos: dormir mais um pouco, trabalhar, passear, relaxar.

  • Não abra mão do seu café da manhã! Ele garantirá sua energia e a sua produtividade até a próxima refeição.

Iniciando o seu trabalho:

  • Comece no horário estipulado.

  • Revise as pendências do dia anterior.

  • Leia seus e-mails e (1) delete o lixo, (2) transforme em tarefa ou compromisso ou (3) delegue.

  • Faça as tarefas rápidas e fáceis, aquelas que duram 10, 15 minutos. Em seguida, as tarefas urgentes.

  • Execute atividades importantes ou longas quando estiver com maior foco, se o prazo de finalização permitir.

Durante o expediente:

  • Pause entre uma tarefa e outra, seu cérebro agradecerá! Pausas são necessárias para que você consiga manter o seu desempenho durante o dia. Essas pausas não precisam ser longas, uma parada para beber um copo d´água ou dar uma respirada serão suficientes.

  • Alimente-se! Em casa temos o mal hábito de ficar beliscando o tempo todo. Isso não fará bem para sua saúde e sua produtividade, estabeleça horários para lanches e almoço.

  • Programe horários para a leitura de e-mails e mensagens.

  • Esqueça as mídias sociais! A não ser que você trabalhe nesta área. Cuidado! Mídias sociais são os maiores desperdiçadores de tempo!


4 - ADAPTAÇÃO


A transição entre trabalho presencial e home office deve ser realizada de forma consciente. Não há como prever o grau de dificuldade que você enfrentará. E, mesmo que a princípio pareça formidável, alguns ajustes deverão ser realizados.


Você poderá sentir a falta da conversar com colegas, da companhia para o almoço, das suas saídas após o expediente antes de voltar para casa. Crie novos hábitos:


  • Dê uma caminhada pelo bairro.

  • Leve seu pet para passear.

  • Matricule-se em uma academia.

  • Faça o que gostaria, mas não podia porque estava o dia todo dentro do escritório!


Não fique mais que três dias seguidos sem sair de casa, com o tempo isso não lhe fará bem... mesmo para aquelas pessoas que não gostavam do trabalho em equipe.


Não desista logo na primeira crise, faça adaptações!

Mas, se você chegar à conclusão que não consegue trabalhar em casa e não tem como voltar ao sistema presencial. Há uma solução que dependerá do quanto você poderá investir, que é o Coworking.


Se a sua dificuldade é ficar só, você terá a oportunidade de conhecer várias pessoas. Se forem as interrupções, você tem como reservar uma sala privativa.


Antes de decidir, pesquise pacotes e refaça o seu orçamento incluindo: aluguel, transporte, estacionamento e alimentação.




Bem... essas foram as dicas e sugestões que eu queria compartilhar, procurei passar minha experiência home office e as técnicas que aprendi sobre organização e produtividade.


Você tem mais dicas? Compartilhe com a gente!




Fotos: @meupequenostudio @minhacasamaiscolorida @apartmenttherapy @decoramiofficial @pinterest


#homeoffice #produtividade #organizacao #qualidadedevida #qualidadedevidanotrabal


38 visualizações

@oprah.seven no Instagram

@ 2020 por Rosana Marcondes

  • Linkedin
  • Instagram
  • Facebook